I beg to report, Sir,

Outubro 15, 2009

que a distinta impressão de que havia sido chulado por  um impertinente vendedor de livros de rua ao pagar 5€ por um exemplar do The Good Soldier Schweik mais trocado que uma seringa na prisão se desvaneceu por completo assim que o capelão cristão nascido judeu e convicto ateu Otto Katz tomou Schweik como seu capelão. Eu continuo a saber que fui valentemente chulado pelo arrogante do livreiro, mas quando leio não parece.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: