Herói, não sei; português, de certeza

Abril 27, 2009

Como já vem sendo habitual na imprensa e blogosfera, a discussão prende-se com detalhes inconsequentes, e dispersa-se em afirmações e contra-afirmações de heroísmo e homicídio; o essencial segue ignorado pela sobranceria de quem vê na realidade uma confirmação dos seus dogmas e é incapaz de com novos olhos reavaliar a situação presente: o Otelo tem unhaca de desencerar o ouvido no mindinho.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: